sexta-feira, 29 de julho de 2011

29/07 - Dúvida, culpa e decisão tomada

Depois de ver o sofrimento da Paloma ontem, fiquei com uma super dúvida. O que causou a cólica dela? O remédio para refluxo ou o leite artificial?
Na dúvida, suspendi tudo! Eu que odeio remédio, tive que dar dois ontem pra ela...o do refluxo, e o de gases...
O LA também suspendi, porque a médica me passou como complemento pra que a Paloma pudesse dormir a noite toda (consequentemente, eu também). Eu me senti péssima! Por um luxo meu, de querer dormir a noite inteira e uma falta de auto confiança, achando que meu leite não está alimentando minha filha, eu submeti ela a um leite artificial e remédio sem necessidade.
Pensando assim, decidi não dar mais nada além do LM (leite materno), porque, de que vai me valer uma noite inteira de sono, sabendo que minha filha teve dor e eu poderia ter evitado?

quinta-feira, 28 de julho de 2011

28/07 - Consulta com pediatra

Eu estava muito nervosa com essa consulta de hoje, porque tenho percebido que a Paloma não ganhou muito peso esse mês.
Realmente, eu estava certa quanto ao peso. Ela ganhou pouco mais de 400g. Segundo a médica, ela está crescendo demais (61cm) e o peso não está acompanhando o crescimento. Apesar disso, falou que o peso está ótimo para a idade.
Como eu me queixei dela estar mamando demais, a cada 2 horas aproximadamente (inclusive algumas noites), a médica me passou um complemento à noite, depois da mamada habitual. O suquinho só a partir do 4° mês, e receitou um remédioo para o refluxo.
Cheguei em casa mais tranquila por estar tudo bem com a minha pequena, mas um pouco triste por dar complemento... sei lá, comecei a me sentir meio incompetente como "mamadeira".
Dei o remédio na hora certa e bora eu e a vovó dar o complemento...rs... achamos que seria mais fácil. Foi uma experiência traumática, pra filha, mãe e vó...rs... a Paloma não quis saber do copinho, muito menos da mamadeira. Tentei todos os bicos possíves. Ela chora, grita, cospe...afff.
Depois de muita luta consgui dar 30ml.

À noite veio o grande problema. A cólica! A Paloma gritava, se espremia toda, chorava muito, agarrava a camiseta do pai como se estivesse pedindo socorro. Nossa, como foi ruim vê-la com dor. Ela chorava de um lado e eu do outro... Foi horrível. Ficou assim por uns 40 minutos depois adormeceu, tadinha, toda suada de tanto gritar.
Passou bem a noite, graças a Deus.

quarta-feira, 27 de julho de 2011

27/07 - Ser mãe é sentir medo

Desde o primeiro momento em que descobri que seria mãe, o sentimento que mais tenho dentro de mim depois do amor, é o medo´.
É um medo incontrolável de tudo...
Quando peguei o resultado positivo eu tive medo de estar sonhando...o tempo foi passando e eu tinha medo de fazer meu primeiro US e não ter nenhum bebê lá dentro. OK, tinha bebê. Mas surgiu o medo de perdê-lo. A cada US era um medo e não ouvir o coraçãozinho bater.
Quando a barriga começou a crescer e os primeiros chutes surgiram, veio junto o medo quando passava algumas horas sem sentir o bebê mexer.
No final da gravidez nem se fale...era um medo louco do parto, de acontecer alguma coisa comigo, ou com ela, ou passar da hora, ou entrar em TP muito cedo, dela nascer com algum defeito, dela nascer sem vida...enfim...o que eu mais sentia era medo!
Nasceu! E o medo continuava... a essa altura o medo era de não saber cuidar, não dar conta, não ter leite. Medo de passar a primeira noite em casa e não saber o que fazer se ela começasse a chorar.
Meu bebê foi crescendo e hoje me peguei velando o soninho mais puro e tranquilo do mundo com lágrimas nos olhos e pensando...continuo com medo. Agora sinto um medo de não estar sendo uma boa mãe, dela não me amar como eu a amo, de deixar faltar alguma coisa pra ela, de um dia ela me pdeir algo que eu não possa dar, dela sentir dor e eu não poder curar, dela cair e se machucar, de ter que voltar ao trabalho e ficar longe dela, dela crescer e conhecer o lado obscuro da vida, dela se decepcionar com amigos, dela conhecer pessoas más, dela não atingir seus objetivos na vida, dela sofrer por amor...Medo dela não ser feliz e eu não conseguir fazer nada pra mudar isso...

Meu Deus...como sofre uma mãe! A minha já dizia isso, mas só agora eu sinto...
Eu queria poder protegê-la, mas a maior proteção que eu posso dar pra ela é pedir a Deus que coloque sempre suas mãos sobre ela e que a livre de todo mal, para que eu possa ver minha pequena crescer e ser muito feliz, me orgulhar cada dia mais de ter amado e sentido tanto medo por uma pessoinha tão especial pra mim!

Mas apesar desse sentimento que aperta o coração de uma mãe, existe um sentimento maior, e muito maior, que desata os nós do coração feitos pelo medo...que é o Amor! O maior amor do mundo, o amor inexplicável e incondicional!!!!

terça-feira, 26 de julho de 2011

26/07 - Sinais







Eu já havia percebido uma pinta na parte interna da coxinha da Paloma, e ontem descobri mais uma nas costas... ainda estão clarinhas, mas acho que vão virar pintinhas...
Ah, não é sujeira não...já tentei limpar, não sai...kkkkkkk

domingo, 24 de julho de 2011

24/07 - Meu pé, meu querido pé...



Depois de descobrir que tem duas mãozinhas lindas e aprender a brincar de esconder com a vovó, a Paloma descobriu os pezinhos... Ebaaaaaaaa...mais uma descoberta, mais um orgulho pra mamãe.
Pior é que quando eu vou trocá-la, ela já vê o pé, quer ficar brincando e chora pra colocar a roupa...kkkkkkk...e se eu pisco, ela tira a meia...rsrs

sexta-feira, 22 de julho de 2011

22/07 - Galinha pintadinha



Depois de muito ouvir sobre essa tal Galinha pintadinha, resolvi baixar o DVD pra Paloma...e não é que funciona!!! Abançoada Galinha Pintadinha...kkkk
Ela assistiu 2 vezes e até dormiu... Ela adorooouuu...e a mamãe aqui também... Fico cantando o dia inteiro...passando roupa, lavando louça, ninando a Paloma e cantando....rsrsrs
Eu sempre gostei de músicas infantis, principalmente essas antigas que a minha mãe cantava pra mim e que estão meio "fora de moda". Acho importante resgatar as musiquinhas infantis e o DVD da Galinha Pintadinha fez isso de uma forma moderna e que chama atenção dos bebês... (Nossa, que propaganda...kkk)

quinta-feira, 21 de julho de 2011

21/07 - Niver da tia Tata



PARABÉNSSSS TIA TATAAAA





Fizemos uma mini festa aqui na casa da vovó... Eu não participei da hora do parebéns, pq a Paloma resolveu mamar bem na hora...kkkkk
Foi muito bom como sempre é, estar com as pessoas que mais amo na vida!!!!

segunda-feira, 18 de julho de 2011

18/07 - Férias da vovó

Hoje é o primeiro dia de férias da vovó Nair. Não querendo abusar, mas já abusando...eu vou poder descansar um pouquinho...rs...e além disso, vovó vai curtir a Palominha muuuito. E vice-versa!

domingo, 17 de julho de 2011

17/07 - Chá de cozinha da Jake

A festa estava legal, foi bem diferente, o problema é que minha pequena continua anti social e estava uóóóóó...
Não foi com ninguém, não conversou com ninguém...affff

sábado, 16 de julho de 2011

16/07 - Livramento de Deus

Mais uma vez, eu vi o operar de Deus na minha vida.
Hoje à tarde, eu estava me preparando para ir a um chá de cozinha. Aquela correria, arrumei a Paloma e fui tomar banho. Já estava super atrasada.
Durante o banho, eu escorreguei e caí um tombo. "Seria cômico, se não fosse trágico".
Caí com a cabeça no chão e bati com tanta força que cheguei a ficar inconsciente por uns segundos.
Graças a Deus eu só sofri um corte no queixo, onde levei 3 pontos e mais nada!
Fiquei o resto do dia agradecida e assustada pensando nas inúmeras coisas que podiam ter me acontecido...e se eu estivesse com a Paloma no colo? E se eu quebrasse a perna? E se eu batesse com a cabeça no vaso???

Mas agora está tudo bem...o susto passou, só ficou mesmo a certeza de que foi a mão de Deus mais uma vez na minha vida!!!!

quinta-feira, 14 de julho de 2011

14/07 - Roupas, roupas, roupas



Chegou a parte ruim da volta do papai.... a mala cheia de roupas sujas pra eu lavar...kkk
Fiquei o dia todo lavando as roupas dele e da Paloma...e ela, estava super manhosa, só queria colo, queria mamar toda hora...affffffff...consegui tirar o pijama era 18h...
Tô só o bagaço...rs

quarta-feira, 13 de julho de 2011

13/07 - Papai voltooouuu

Depois de alguns dias ausente, o papai da Paloma voltou de viagem.
Graças a Deus, porque é ruim demais ficar longe de quem a gente ama.
Estávamos com muito medo da Paloma estranhá-lo depois de 8 dias longe, mas foi muito lindo...ela olhou pra ele e já abriu um sorrisão!!! E olha que ela estava com muito sono...rs
Os dois dormiram a tarde toda depois...e a mamãe aqui, aproveitou pra fazer almoço e arrumar a casa... (Amélia não tinha menor vaidade, Amélia que era mulher de verdade....)

segunda-feira, 11 de julho de 2011

11/07 - Vacina

Afffffffffffffffffffffff.....porque isso tem que existir.
Hoje a Paloma teve que tomar mais duas vacinas. Uma em cada perninha.
Dói mais em mim do que nela. Ela chorou só na hora da picada e eu, fiquei o dia inteiro mal, angustiada, tensa com medo dela ficar com febre, ter reação, mas graças a Deus, como da outra vez, não deu reação. Ela só ficou um pouco enjoada, mas isso é normal mesmo!
Que bom seria se pudéssemos pegar a dor dos filhos pra gente né? Como é ruim vê-la sofrer, mesmo que seja por um minuto e mesmo sendo pelo bem dela. É muito ruim...

domingo, 10 de julho de 2011

10/07 - Passeio no parque







Domingão de sol, aproveitamos para fazer um passeio no parque. Eu, Paloma, tia Gisa e Eloá.
Claro que crianças urbanas (inclusive a Paloma) não se contentam com parque então demos uma passadinha no Shopping...rs
Foi muito bom! Aprovaitamos bastante, pena que a Paloma estava meio chatinha....

sábado, 9 de julho de 2011

09/07 - 3 meses

Mesversário da Paloma... hoje faz 3 meses que ganhei meu maior presente de Deus!
Cada dia mais esperta... agora ela já conversa, faz caras e bocas e estranha algumas pessoas! Também não quer saber muito de colo durante o dia. Prefere ficar no sofá, na cama ou no carrinho, mas sempre conversando e brincando.
O problema maior é na hora de dormir... Quando ela percebe que é de noite e que estamos nos preparando pra dormir, ela já começa a "agonia da noite"... e a mamãe rebola pra fazê-la dormir... mama, canta, dança, conversa, brinca...até que ela dorme. Tem dias que dorme umas 23h, tem dia que é 2h da manhã e ela que conversar... mas o importante é que, depois que dorme, vai embora até às 6h, mama e dorme de novo até às 10h e pensa que ela acorda? Que nada... depois ainda vai até meio dia...rs...e claro que ainda rola um soninho à tarde!!!


3 meses

" Durante esse mês, o bebê poderá levantar a cabeça quando estiver de barriga para baixo a mantê-la por vários minutos.
Nesta etapa, seu filho é capaz de balançar os braços e as pernas. À medida que os ligamentos do quadril e joelhos tornam-se mais flexíveis, os chutes ficam mais fortes.
O bebê consegue unir as mãos e abrir os dedos, porém, provavelmente usará as mãos fechadas para bater em objetos acima da sua cabeça.

A partir de agora, os pais, exaustos pela falta de sono poderão ter uma folga.
Entre 3 e 4 meses, o período de sono do seu bebê começa a se definir. Nesta idade muitos bebês já dormem a noite toda, embora acordem esporadicamente para mamar.
Até os 3 meses, ou provavelmente antes disso, o bebê terá um elo com você e estará familiarizado com seu rosto. Ele ainda poderá sorrir para estranhos, principalmente se encararem ou lhe dirigirem a palavra. Só que agora o bebê começa a distinguir quem é quem na sua vida e definitivamente dará mostras de preferência. Os mais precoces podem comecar a mostrar estranhamento às pessoas que não conhecem, mas em geral isso ocorre mais tarde.
O lobo parietal, a parte do cérebro que rege a coordenação visomotora, entre os olhos e a mão, e permite que a pessoa reconheça objetos, está agora se desenvolvendo rapidamente. E o lobo temporal, que auxilia na audição, linguagem e olfato, também se tornou mais ativo. Assim, quando o bebê ouvir a sua voz, pode olhar diretamente pra você, começar a emitir sons e tentar falar também (e até "cantar")."

terça-feira, 5 de julho de 2011

05/07 - Quem bate? É o friiiioooooo



Meeeuuu...que frio é esse? Afff , os dias estão gelados...as noites congelantes! E eu, que sempre fui uma adoradora do inverno, estou contando os minutos pra ver um solzinho.
Na verdade a minha simpatia pelo frio diminuiu logo depois que casei, porque tinha a casa pra limpar, roupa e banheiro pra lavar...e vamos combinar que são tarefas nada agradáveis pra se fazer com frio. Mas mesmo assim, ainda gostava do friozinho...cobertor, banho quentinho... Mas agora que tenho a Paloma, esse frio me dá muita pena. Tadinha dela, nem entende...toma banho batendo os beicinhos...kkkkk...depois eu empacoto tanto ela que a pobrezinha mal consegue se movimentar...rsrs
E lá onde o meu cobertor de orelha está, faz 40 graus na sombra (no inverno)...

segunda-feira, 4 de julho de 2011

04/07 - Viagem do papai

Mais uma vez o papai vai precisar viajar... dessa vez, pra ele sera pior porque agora ele não tem que deixar só uma, mas duas!
Que sensação ruim, deixar ele sair, sabendo que vai ficar dias fora... eu já sinto saudades antes mesmo dele ir.
Mesmo que agora eu tenha uma super companheira, ainda assim, sinto muita falta, e tenho muita pena também, porque sei que ele vai por necessidade, se pudesse ficaria aqui comigo.
Mas eu creio em Deus que esses dias vão passar rápido e logo logo ele estará de volta pros seus docinhos...rs
Vai com Deus meu Amor!!!!!